compartilhe:

Copa do Brasil: rubro-negros sambando na cara da sociedade

Final rubro-negra na Copa do Brasil: Flamengo x Atlético-PR.

Semifinal da Copa do Brasil

Flamengo x Goiás

O rubro-negro carioca repetiu o resultado do jogo de ida vencendo o Goiás por 2×1 num Maracanã lotaaaadooo. O Flamengo vem compensando sua fase regular no Brasileirão com boas atuações na Copa do Brasil.

Logo no início do jogo, o Mengão levou um susto com o Eduardo Sacha abrindo o placar para o esmeraldino Goiás. O Fla não deixou barato e empatou com Hernane. Com a vantagem do jogo anterior, o empate já garantiria a vaga dos cariocas na final. Mas ainda no primeiro tempo, Elias marcou um golaço que deu tranquilidade aos jogadores e à torcida.

Goiás abre o placar

Aliás, este foi um jogo especial para o jogador Elias, que recebeu homenagem da torcida antes da partida começar: em coro, a torcida rubro-negra gritou o nome de seu filho Davi, de um ano e oito meses, que voltou pra casa nesta semana depois de ficar internado por causa de uma pneumonia. Muito emocionado, o jogador homenageou o filho na comemoração do gol e agradeceu o apoio da torcida.

Flamengo x Goiás

Sentindo a falta do atacante Walter, o Goiás pressionou no segundo tempo, tentando recuperar o prejuízo, mas não teve jeito, o resultado já estava definido. A classificação do Flamengo estava garantida e a festa da torcida foi grande, mesmo com um gol erroneamente anulado de Hernane.

A farra terminou com os jogadores do Mengão deitaram e rolaram na grama, em clara provocação à declaração do artilheiro goiano Walter, que afirmou durante a semana que se entrasse em campo “ia deitar e rolar sobre o Flamengo”. #Vinganca #Provocacao

Grêmio x Atlético-PR

Pela primeira vez, o Atlético-PR disputará uma final da Copa do Brasil. O tricolor gaúcho tinha a vantagem do estádio, da torcida e da tradição em semifinais. Mas o Atlético-PR tinha a vantagem do último jogo que é a que importava, e apostou na defesa e nos contra-ataques para garantir seu resultado.

O goleiro Weverton evitou os gols dos gremistas Souza, Barcos e Alex Telles. O Grêmio pressionou e por fim a bola entrou: Ramiro marcou, mas o juiz anulou o gol, condenando o placar ao empate em 0x0. Alegria para o time paranaense, tristeza na Arena.

Grêmio x Atlético-PR

Atlético-PR classificado

E assim como no ano passado, times que defendem as mesmas cores se enfrentarão na final da Copa do Brasil, que outrora fora alviverde, agora será rubro-negra.

Autor:

Designer, viciada em esmaltes e tipografia. Fetichista, andarilha e ri muito alto. Acredite, gosta de futebol. Em busca de um namorado palmeirense para acompanhá-la nos estádios.

Comentários deixe sua opinião sobre esse artigo

0 comentários em “Copa do Brasil: rubro-negros sambando na cara da sociedade”

Deixe um comentário simpático :D