compartilhe:

Candidíase: o que é e como curar

Saúde da MulherCandidíase é uma infecção causada pelo fungo Candida albicans. Apesar de a doença também poder ocorrer em diversos órgãos do corpo, como a candidíase oral (sapinho), mas vamos falar aqui exclusivamente da Candidíase Vaginal.

A doença é um dos motivos mais comuns de levar mulheres ao ginecologista, isso porque até os 25 anos metade das mulheres já terão sofrido pelo menos um episódio da doença.
Tá vendo? É bem comum, então o problema não é você.

O que é candidíase vaginal?

A Candida é um fungo natural da flora vaginal, quando esse fungo entra em desiquilibrio com o organismo é causada a infecção, candidíase.
Pra ficar claro, todos sabemos que em nossa pele temos centenas de bactérias, mas isso não significa que estejamos doentes, com a candida é a mesma coisa, temos candida no nosso organismo, o que não significa que tenhamos candidíase. Ficou claro? :)

O que causa a candidíase vaginal?

CandidíaseA diabete, o uso prolongado de antibióticos e anticoncepcional (nível alto de estrogênio) favorecem o aparecimento da doença. Além disso, a própria genética pode ter feito esse trabalho chato, há mulheres que desenvolvem candidíase sem nenhum motivo aparente.
A candidíase não é considerada uma DST, já que a mulher já pode ter a candida na flora, porém ela pode sim ser transmitida pela relação sexual. A maior parte dos casos da doença são em mulheres sexualmente ativas.
O sistema imunológico também está diretamente relacionado com a doença. Doentes imunossuprimidos (com câncer, AIDS, etc) podem desenvolver candidíase em vários orgão, além da vaginal. Ou seja, a baixa no sistema imune pode abrir portas (bem abertas) para a doença.

Quais os sintomas da candidíase vaginal?

Os sintomas da candidíase são: coceiras, corrimento vaginal (branco, sem cheiro e em pouco volume) e dor na relação sexual.
Esses sintomas são bem comuns em várias doenças, por isso é muito importante ir ao ginecologista e ter o diagnóstico correto!

Qual o tratamento da candidíase vaginal?

O tratamento é simples, mas não cura a doença.
Como disse, o fungo já está na mulher, então o tratamento busca simplesmente ajudar no equilíbrio do organismo, mas se deve ter cuidado a vida inteira para que a doença não reapareça.
O médico provavelmente vai receitar:

  • um comprimido antifungo (Fluconazol), dose única para o casal, mesmo que o parceiro não aparente nenhum sintoma
  • um creme vaginal, geralmente usado durante 7 dias.

Durante o tratamento não se deve ter relações sexuais e não usar absorvente interno.
NÃO SE AUTO-MEDIQUE!

O que fazer para que a candidíase vaginal não volte?

É muito importante o cuidado para que a doença não reapareça. Para isso a melhor forma é cuidado do corpo como um todo e tomando sempre cuidado para equilibrar o PH vaginal.

  • Alimente-se bem,
  • faça atividade física frequente,
  • evite roupa muito colada (principalmente o jeans),
  • use calcinha de algodão,
  • durma sem calcinha,
  • use camisinha.

Banho de Assento - Bicardonato de sódioQuando da reaparição, preste atenção aos sintomas, se você só começou a sentir que a candidíase pode voltar, faça o banho de assento:
Prepare uma bacia (grande o suficiente para se sentar nela) com mais ou menos 3 litros de água morna e 4 colheres de bicarbonato de Sódio, misture bem. Fique sentada nessa água por uns 10-20 minutos e faça isso repetidas vezes na semana.
O alívio dos sintomas é imeditado.
O bicarbonato ajuda a diminuir a acidez vaginal e assim faz com que o próprio organismo seja capaz de combater a proliferação do fungo.


Esse artigo faz parte da série: Doenças que mais afetam as mulheres.
Conheça cada uma delas e se previna!

Autor:

Publicitária, por formação. Webdesigner, por curiosidade. Chocólatra, por vício. Mulher, por falta da opção de ser uma menina super-poderosa e salvar a cidade de Townsville.

Comentários deixe sua opinião sobre esse artigo

6 comentários em “Candidíase: o que é e como curar”

Deixe um comentário simpático :D